| 0 comentários ]


  Passa por este homem, isso já é uma certeza. Notícia que abalou todos os adeptos leoninos foi emitida esta tarde pela comunicação social. Tomada como choque para muitos, a notícia foi previsível para outros. Apesar do voto de confiança emitido por Godinho Lopes ontem, a equipa do Sporting está a decrescer e contra o Marítimo praticou um mau futebol. Porém despedir treinadores a meio da época não é seguro. No que estava Godinho Lopes a pensar? Um novo treinador significa muitas coisas. Uma nova personalidade a comandar os jogadores, um diferente estilo de jogo (já que o atual não está a dar resultados, aliás, é difícil ver como é que o Sporting joga nesta altura) e ambições competitivas diferentes, consoante a atitude Sá Pinto. Enquanto treinador destacou-se na NextGen, onde levou o Sporting até aos quartos de final da competição, onde foi eliminado pelo Inter.

  Como jogador destacou-se, sendo jogador de seleção nacional. Mais uma vez destacou-se no Sporting, clube que representou como jogador durante 9 temporadas, em 2 períodos temporais com intervalo de 3 anos. Domingos Paciência deixa assim o Sporting sem uma declaração de despedida ou qualquer pista sobre a sua eventual saída, que se consonou nesta segunda-feira. Aqui está o comunicado da CMVM:

«Nos termos e para efeitos do cumprimento da obrigação de informação que decorre do disposto no artigo 248º, nº1 al. a) do Código dos Valores Mobiliários, o Conselho de Administração da Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD vem informar ter rescindido o contrato de trabalho com o treinador Domingos Paciência. Mais se informa que Ricardo Sá Pinto passará a exercer as funções de treinador da Equipa Principal do Sporting, até ao dia 30 de Junho de 2013.

Lisboa, 13 de fevereiro de 2012
O Conselho de Administração»

0 comentários

Postar um comentário